Pular para o conteúdo principal
ESPALHADORES DE TENSÃO


A definição é de um importante centro inglês de aconselhamento para problemas relacionados com o álcool (sua sigla em inglês, ACCEPT, forma uma palavra que traduzida, significa aceitar). Haveria treze tipos de personalidade sujeitas a stress e capazes de espalhar a doença em volta. Veja se reconhece algumas de suas características – em você, ou em alguém que você conhece. 


O QUER TUDO
Pode usar de charme e timidez, ou ter temperamento difícil e ameaçador. Tanto faz: ativa ou passivamente, manipula a vida alheia, pondo as pessoas em volta a seu serviço.


O IMPETUOSO
Tem superconsciência – e superambição. Para esse tipo, a vida é uma corrida, mesmo que não se saiba para onde. O que importa é manter-se no páreo.


O CONTROLADOR
Tem medo de que acontecimentos passem a controlá-lo. Procura manter domínio rígido sobre as coisas, ou pelo menos procura evitar tudo o que seja espontâneo ou inesperado. Também é pessoa extremamente asseada e ordeira.


O DONO DA VERDADE
Evita erros, usa de muito escrúpulo e, muita discussão, sempre tem razão. Incapaz de se culpar por alguma coisa, está sempre apontando as falhas alheias.


O SER SUPERIOR
Geralmente mulher, jovem. Só faz alguma coisa se for para brilhar. Segundo lugar? Jamais. Num relacionamento é capaz de avisar o parceiro de que sua carreira vem em primeiro lugar, mas, no entanto ficará aborrecida se ele entender o aviso e desistir do caso. Claro que também há muitos homens assim.


O COITADINHO
Não suporta críticas e fica sentindo “o último dos mortais” quando suspeita de que sofreu uma rejeição. Especialista em encontrar maneiras de obter aprovação, aceitação. 


O BONZINHO
Geralmente casa com alguém alcoólatra, ou que tem outro problema qualquer. Quer demonstrar sua infinita bondade e acaba suportando sobre os ombros muita miséria humana que não é sua.


O NEGATIVISTA
Pode ser que alguma vez tenha ficado a favor de alguma coisa – por exemplo, tortura ou pena de morte. Mas é basicamente contra tudo. Parece que só vê dificuldades, obstáculos, desvantagens.


A VÍTIMA
Sofre acidentes, é vitima de coisas terríveis e imerecidas. Impossível demitir uma pessoa desse tipo de algum emprego: ela parece sempre agoniada por uma tragédia pessoal.


O BEBÊ
Geralmente caçula da família. Mantém o tom de voz agudo e maneiras encantadoras na idade adulta. Trata-se apenas de uma cilada para manter os outros à disposição.


O DESAJEITADO
Orgulha-se da falta de jeito. Nada dá certo, e, no entanto a figura espalha isto azo quatro ventos. O truque é levar os outros a serem condescendes.


O GELADO
Faz o gênero distante, lógico, racional. Clama que não se deixa influenciar por emoções. Muita gente acredita que por trás de uma aparência gelada existe um coração quente. Geralmente estão errados.


O ESCAPISTA
Em geral, tem o chamado complexo de Peter Pan, o menino que nunca cresceu. Tem charme, muitos sonhos. Não se compromete nem corre riscos na realização de algo.



Nova Enciclopédia de AMOR E SEXO. Volume 5, Editora Nova Cultural.

Postagens mais visitadas deste blog

AS 21 BÊNÇÃOS PRODUZIDAS NO JEJUM DE DANIEL

Nova perspectiva inicio hoje. Gratidão pela consciência.  Quarta feira de cinzas. Inicio de tempo de meditação e retiro espiritual. Deserto Interior.

Atualmente existem livros e livros falando de 40 dias de deserto, de meditações... Mas quem me conhece a mais de década sabe que já organizei meditações para 40 dias de jejum e como foi publicado em 1999, tenho como "provar" que não é por modismo que estou iniciando meu deserto 2015 hoje. Estou reeditando a forma e talvez os textos... Quero me colocar em deserto interno e meditar com profundidade e vou fazer isso buscando o que Daniel também buscou a tantos milhares de anos. Sim desta vez farei o jejum de Daniel de 21 dias.
O conceito de um jejum de Daniel vem de Daniel 1:8-14: "Mas, Daniel decidiu não contaminar-se e pediu permissão para não ingerir as comidas reais. Foi atendido.
O que tinha acontecido é que Daniel e seus três amigos haviam sido "deportados" para a Babilônia, quando Nabucodonosor e os babilônios…

Pessoa especial em um dia especial: Maria Julia

Existem “pessoas mágicas” em todos os lugares ao nosso redor. Elas são aquelas com as quais você conhece a felicidade, aquelas te ajudam a voar, brilhar e caminham contigo. São as pessoas com as quais você compartilha a cumplicidade, aquelas que um gesto, ato ou palavra simplesmente mudam seu estado de espirito. Tem um dom especial de transmutar as coisas, essas pessoas magicas pela sua presença alquímica, muitas vezes criam as condições favoráveis para que você possa aliviar  as agruras da sua jornada.
Há pessoas mágicas. Eu juro, já as vejo em varios lugares. Elas estão escondidas em todos os cantos do planeta. Disfarçadas como normais. Ocultando sua maneira especial de ser. Elas tentam se comportar como os outros. Entretanto, às vezes é muito difícil identificá-las. Mas, quando você as descobre, não há como esquecer. ” – Autor desconhecido

Quando li este texto, automaticamente pensei em você Maria Júlia, pessoa especialmente “mágica” que convivo diariamente. 
Você me desafia a evoluir…

Se com as cores do mundo colorir vai desta terra usufruir

Assisti no Animal Planet reportagem sobre o cerrado brasileiro sobre a parceria que existe entre os animais: as formigas cortadeiras, os lobos guarás, tamanduás...

Cada um respeita o ciclo e assim todos vivem bem. Quando o ser humano chegou e arrancou os cupinzeiros os formigueiros para plantar soja alterou essa parceria.
Precisamos repensar a intervenção que estamos fazendo da vida no planeta????
Se pensas que esta Terra lhe pertence? Se crê que só gente é seu semelhante... Vc tem muito que aprender...