Pular para o conteúdo principal

Sobre prioridades: qual bola você vai deixar cair? On priorities: which ball do you drop?


Sobre prioridades: qual bola você vai deixar cair?

No início do ano letivo de uma universidade há alguns anos atrás, Brian Dyson, CEO da Coca-Cola Enterprises, falou da relação de trabalho com seus demais compromissos:
Imagine a vida como um jogo em que você está fazendo malabarismos com cinco bolas no ar. Você dá nome às bolas – trabalho, família, saúde, amigos e espírito – e você está mantendo todas elas no ar. Muito rapidamente você vai entender que o trabalho é uma bola de borracha. Se cair, ela será naturalmente devolvida.
Mas as outras quatro bolas – família, saúde, amigos e espírito – são feitas de cristal. Se você deixar cair uma dessas, estará irremediavelmente arranhada, marcada, lascada, danificada ou até mesmo quebrada. Ela nunca mais será a mesma.
Eu amo esta analogia! Pense nisso: uma bola de cristal não é apenas mais frágil do que uma bola de borracha, é também mais valiosa. Então porque é que tantos de nós nos dedicamos a manter a bola de borracha no ar com medo que ela caia?
Mantenha suas prioridades. Cuidar da sua família, sua saúde, seus relacionamentos e seu espírito não é um ato egoísta. É o que sustenta todos os demais.
crystal ball blog
By Dr. John Maxwell
In a university commencement address several years ago, Brian Dyson, CEO of Coca-Cola Enterprises, spoke of the relationship of work to your other commitments: 
Imagine life as a game in which you are juggling five balls in the air. You name them – work, family, health, friends and spirit – and you’re keeping all of these in the air. You will soon understand that work is a rubber ball. If you drop it, it will bounce back.
But the other four balls – family, health, friends and spirit – are made of glass. If you drop one of these, they will be irrevocably scuffed, marked, nicked, damaged, or even shattered. They will never be the same.
I love this! Think about it: A glass ball is not only more fragile than a rubber ball; it’s also more valuable. So why do so many of us devote ourselves to keeping the rubber one from crashing?
Keep your priorities straight. Taking care of your family, your health, your relationships and your spirit is not a selfish act. It’s a sustaining one.

Postagens mais visitadas deste blog

AS 21 BÊNÇÃOS PRODUZIDAS NO JEJUM DE DANIEL

Nova perspectiva inicio hoje. Gratidão pela consciência.  Quarta feira de cinzas. Inicio de tempo de meditação e retiro espiritual. Deserto Interior.

Atualmente existem livros e livros falando de 40 dias de deserto, de meditações... Mas quem me conhece a mais de década sabe que já organizei meditações para 40 dias de jejum e como foi publicado em 1999, tenho como "provar" que não é por modismo que estou iniciando meu deserto 2015 hoje. Estou reeditando a forma e talvez os textos... Quero me colocar em deserto interno e meditar com profundidade e vou fazer isso buscando o que Daniel também buscou a tantos milhares de anos. Sim desta vez farei o jejum de Daniel de 21 dias.
O conceito de um jejum de Daniel vem de Daniel 1:8-14: "Mas, Daniel decidiu não contaminar-se e pediu permissão para não ingerir as comidas reais. Foi atendido.
O que tinha acontecido é que Daniel e seus três amigos haviam sido "deportados" para a Babilônia, quando Nabucodonosor e os babilônios…

Pessoa especial em um dia especial: Maria Julia

Existem “pessoas mágicas” em todos os lugares ao nosso redor. Elas são aquelas com as quais você conhece a felicidade, aquelas te ajudam a voar, brilhar e caminham contigo. São as pessoas com as quais você compartilha a cumplicidade, aquelas que um gesto, ato ou palavra simplesmente mudam seu estado de espirito. Tem um dom especial de transmutar as coisas, essas pessoas magicas pela sua presença alquímica, muitas vezes criam as condições favoráveis para que você possa aliviar  as agruras da sua jornada.
Há pessoas mágicas. Eu juro, já as vejo em varios lugares. Elas estão escondidas em todos os cantos do planeta. Disfarçadas como normais. Ocultando sua maneira especial de ser. Elas tentam se comportar como os outros. Entretanto, às vezes é muito difícil identificá-las. Mas, quando você as descobre, não há como esquecer. ” – Autor desconhecido

Quando li este texto, automaticamente pensei em você Maria Júlia, pessoa especialmente “mágica” que convivo diariamente. 
Você me desafia a evoluir…

Se com as cores do mundo colorir vai desta terra usufruir

Assisti no Animal Planet reportagem sobre o cerrado brasileiro sobre a parceria que existe entre os animais: as formigas cortadeiras, os lobos guarás, tamanduás...

Cada um respeita o ciclo e assim todos vivem bem. Quando o ser humano chegou e arrancou os cupinzeiros os formigueiros para plantar soja alterou essa parceria.
Precisamos repensar a intervenção que estamos fazendo da vida no planeta????
Se pensas que esta Terra lhe pertence? Se crê que só gente é seu semelhante... Vc tem muito que aprender...